História

Em meados dos anos 2000, o Espírito Santo atravessava um período de turbulência e instabilidade política, decorrente de uma forte crise institucional. Denúncias de atuações ímprobas de representantes do governo estadual somadas a problemas de alinhamento estratégico entre interesses dos setores público e privado levaram grandes lideranças do estado a se reunirem a fim de fortalecer a representatividade do setor empresarial e fomentar a economia local. Nasceu assim, em 2003, o Espírito Santo em Ação, visando contribuir para a construção de um estado de referência no contexto nacional.


O processo de criação e estruturação do Espírito Santo em Ação acabou por revelar um gap significativo de lideranças com valores e embasamentos sólidos, capacitadas a conduzir o estado a um patamar mais alto de competitividade. Impulsionados por esta constatação, o Espírito Santo em Ação idealizou a criação do Instituto Líderes do Amanhã, cujas atividades iniciaram-se oficialmente em 2011, objetivando exclusivamente a formação, o desenvolvimento e a capacitação de jovens lideranças empresariais com potencial de influenciar na melhoria do ambiente de negócios capixaba.